News

Home :: News
GAI

GAI

FEE FEE

Eficiência Energética na Indústria

Candidaturas abertas até 30 agosto 2016

Aviso 19 - Eficiência Energética na Indústria

Com o objetivo de potenciar e modernizar o setor industrial e da agricultura, o Fundo de Eficiência Energética prevê apoiar a implementação de medidas que conduzam ao aumento da eficiência energética a nível nacional.

Objetivos
O «AVISO 19» pretende apoiar o desenvolvimento de projetos e iniciativas que promovam a eficiência energética, financiando candidaturas que abranjam projetos nos termos do artigo 4.º do Regulamento, isto é, são suscetíveis de financiamento neste Aviso os projetos que correspondam à área “Indústria” e medidas inseridas no PNAEE com a codificação “Ip1m1”, designada por “SGCIE – Medidas Transversais” ou medidas previstas com a codificação “Ip1m2”, designada por “SGCIE Medidas Específicas” que, entre outros, prevê o apoio a projetos que conduzam ao aumento da eficiência energética por via da otimização energética dos processos de fabrico e da introdução de novas tecnologias.

Beneficiários
Podem apresentar candidatura ao abrigo do presente Aviso:
• Operadores de instalações a cumprir as disposições constantes do Decreto-Lei n.º 71/2008, de 15 de abril, e com Acordo de Racionalização dos Consumos de Energia (ARCE) em curso estabelecido com a DGEG - Direção Geral de Energia e Geologia no âmbito do SGCIE – Sistema de Gestão dos Consumos de Energia e que não estejam abrangidos pelo regime do comércio europeu de licenças de emissão previsto no Decreto-Lei n.º 93/2010, de 27 de julho e no Decreto-Lei n.º 38/2013, de 15 de março;
• Operadores de instalações industriais (CAE 01 a 33) não abrangidos pelo regime do comércio europeu de licenças de emissão previsto no Decreto-Lei n.º 93/2010, de 27 de julho e no Decreto-Lei n.º 38/2013, de 15 de março, e cujo consumo energético, no ano civil anterior, tenha sido inferior a 500 tep/ano.

[+] Informação

 

maisPmaisT A

Programa “+Património +Turismo”

O Turismo de Portugal apoia a Portugal Ventures no lançamento do Programa “+Património +Turismo” que pretende estimular o aparecimento de startups e de novos negócios, nomeadamente de base local ou regional, associados ao turismo e à valorização do património cultural e natural do país.

As candidaturas decorrem até 31 de julho e os participantes devem submeter os seus projetos no portal da Portugal Ventures.

Com um valor global previsto de 10 milhões de euros, o Programa “+Património +Turismo” vai analisar e avaliar as propostas dos candidatos e atribuir-lhes um financiamento até um montante máximo de 500 mil euros.

Podendo, ou não, ser de base tecnológica, os projetos apresentados no Programa “+Património +Turismo” têm de ter na base a constituição de uma nova empresa, ou de uma empresa constituída há menos de 3 anos.

Os projetos devem ter como objetivo essencial a fruição turística do património cultural e natural do país, valorizando aspetos como a história, a arte, a arquitetura, o património religioso, o enoturismo e gastronomia, o desporto associado à natureza ou o geoturismo. Outro objetivo é apoiar o desenvolvimento de produtos e serviços turísticos inovadores, à escala global, nacional ou regional.

O Programa “+Património +Turismo”, enquadrado na Estratégia Nacional para o Empreendedorismo - StartUP Portugal pretende estimular o aparecimento de startups e de novos negócios, nomeadamente de base local ou regional, associados ao turismo e à valorização do património cultural e natural do país.

[+] Informação

 

 

sexta, 01 julho 2016 10:55

UML2

Projeto INCUBAR+LEZIRIA

Concurso de Ideias de Negócio - candidaturas até 8 de Julho

Foi prorrogado até dia 8 de Julho o prazo para apresentação de candidaturas ao 1º Concurso de Ideias do Projeto Incubar + Lezíria.

Candidaturas nas áreas da Alimentação, Agricultura, Floresta e Agroindústria, Energia, Ambiente e Recursos Naturais.

Este concurso atribuirá prémios até ao valor total de 15.000,00 € (prémios monetários mais serviços de incubação) às 3 melhores ideias de Negócio.

O regulamento e formulário de candidatura já estão disponíveis no website do concurso ao qual poderá aceder clicando AQUI.

 

DGLS LOGO A

Consultoria em Gestão

Finanças, Controlo de Gestão e Contabilidade Gestão de Seguros Recuperação / Renegociação de créditos Procurement Vendas e Negociação Comercial Incubadora de Empresas Consultoria em Recursos Humanos Coaching Executivo e de Equipas Formação Profissional Gestão de Carreira Descrição e Análise de funções Assessment de Competências Gestão e Avaliação do Desempenho Gestão e Desenvolvimento do Capital Humano Desenvolvimento Pessoal e Profissional Desenvolvimento e Gestão dos Recursos Humanos Prevenção e Gestão dos Riscos Psicossociais Avaliação Psicológica e de Potencial Testes Psico-técnicos Projectos Candidatura a Projetos co-Financiados Gestão de Projetos co-Financiados PRODER / PDR 2020 Portugal 2020 (QREN) Certificação de Entidades Formadoras - DGERT Aconselhamento Financeiro Social Controlo Integrado de Pragas Segurança e Saúde no Trabalho Segurança Alimentar.

terça, 21 junho 2016 10:40

guia cms

Câmara de Santarém disponibiliza Guia do Cidadão

A Câmara de Santarém criou o Guia do Cidadão com o objetivo de informar o cidadão de uma forma clara e acessível sobre quatro temáticas:

  • instalação de Atividades Económicas;
  • instalação de Alojamento Local e Empreendimento Turístico;
  • afixação de Publicidade e Ocupação do Espaço Público com Mobiliário Urbano;
  • e execução de Obras em Imóveis inseridos em Áreas Urbanas Protegidas.

A complexidade e a dispersão da legislação, referente às matérias relacionadas com o licenciamento das diversas atividades económicas, que sofreram profundas alterações nos últimos anos, dificultam a compreensão dos agentes económicos quanto aos requisitos técnicos e obrigações que lhe são exigidas para o exercício da sua atividade económica.

O Guia do Cidadão pretende:

  • Informar o Cidadão e facilitar o acesso à informação sobre os procedimentos para a instalação de atividades económicas e sobre os requisitos técnicos que os exploradores são obrigados a cumprir;
  • Identificar Particularidades - Apesar das matérias abrangidas serem aplicáveis a todo o território do Município de Santarém, são identificadas as especificidades inerentes aos conjuntos do Centro Histórico;
  • Melhorar a Informação - O guia apresenta uma linguagem simples e clara, sobre os conteúdos constantes da legislação e regulamentação municipal aplicável às áreas temáticas abrangidas;
  • Facilitar o Atendimento - Os guias esclarecem e orientam o cidadão sobre os passos para a instalação de atividades, facilitando o acesso e a interação com os serviços de atendimento municipais;
  • Incentivar o Investimento - A disponibilização de informação clara, atrativa e esclarecedora, agiliza a instalação de atividades económicas, incentivando o investimento no Município de Santarém;
  • Motivar a Qualidade - O maior esclarecimento dos exploradores, quanto às obrigações e requisitos exigidos, promove a melhoria da qualidade dos serviços, garantindo a satisfação dos clientes.

O Guia do Cidadão apresenta uma linguagem simples e clara, sobre os conteúdos constantes da legislação e regulamentação municipal aplicável às áreas temáticas abrangidas.

O Guia do Cidadão é um projeto do Município de Santarém, que foi elaborado em conjunto pela Divisão de Planeamento e Urbanismo e pelo Gabinete do Centro Histórico de Santarém, e pode ser consultado através do link: http://guiadocidadao.cm-santarem.pt/

segunda, 13 junho 2016 15:31

logotipo JP

Serviços de topografia:

- Levantamentos topográficos para varias escalas

- Levantamentos Arquitetónicos

- Implantação, Fiscalização e apoio a vários tipos de obras

- Medição de áreas e calculo de volumes

- Cadastro Predial

- Apoio ao sector agrário

quinta, 09 junho 2016 15:37

Logo 2

Serviços de mediação e gestão imobiliária.

quarta, 08 junho 2016 15:26

ATLC Logo Novo 6 moldura

Serviço de Táxi em Santarém, Almeirim e Golegã.

Serviço de Táxi para todo o país e estrangeiro.

Dispomos de táxis com 9 lugares, (carrinha), 7 lugares (monovolume) e 5 lugares.

Temos larga experiência em: transporte de passageiros, transporte de sinistrados/segurados de companhias de seguros; transporte de doentes não acamados; transporte de alunos; transporte de crianças; assistência em viagem.

 

quarta, 08 junho 2016 11:42

 

 PSTUP

 

Startup Portugal – Estratégia Nacional para o Empreendedorismo

Incentivos fiscais até 100 mil euros para quem investir em startups.

O Programa Semente vai permitir que investidores que apoiem projetos entre 2.000 e 100 mil euros tenham benefícios fiscais num valor máximo de 100 mil euros. A medida é uma das 15 iniciativas do Startup Portugal - Estratégia Nacional para o Empreendedorismo. Quem investir entre 2.000 e 100 mil euros em startups vai ter benefício fiscal em sede de IRS, de acordo com a Estratégia Nacional para o Empreendedorismo lançada no passado dia 6 de junho.

O objetivo do Startup Portugal é desbloquear e promover emprego, boas práticas e recursos, entendo as falhas regionais e setoriais num programa que está assente em três eixos:

Financiamento;
Ecossistema;
e Internacionalização.

No pilar do Financiamento, as candidaturas para o Startup Voucher – verba mensal para jovens universitários ou licenciados, – abrem em setembro de 2016. São 10 milhões de euros para distribuir em bolsas mensais de 690 euros durante um ano. Outros 10 milhões estão reservados para o Vale Incubação, que visa apoiar empresas a desenvolver a sua ideia de negócio num programa de aceleração ou numa das incubadoras que façam parte da rede nacional. Nas Calls da Portugal ventures – sociedade de capital de risco pública – também há novidades: abertura de candidaturas para mais investimentos setoriais e uma call destinada a startups lideradas por mulheres.

No âmbito do pilar do Ecossistema, uma das novidades apresentadas está relacionada com a Zona Livre Tecnologia. O secretário de Estado salientou que o objectivo da medida é "que Portugal seja mais atrativo". Esta Zona Livre pretende, através de legislação e regulamentação, permitir que "sectores inovadores se possam localizar em Portugal". O secretário de Estado da Indústria anunciou os nomes por detrás da Rede Nacional de Incubadoras (João Mendes Borga), da Rede Nacional de Fablabs e Makerspaces (Bernardo Gaieiras e Francisco Mendes).

No que toca à Internacionalização das startups, o Governo quer assegurar a participação de projetos portugueses nos maiores eventos tecnológicos do mundo, nas maiores feiras nacionais setoriais e quer que estas acompanhem membros do Governo em visitas oficiais ao estrangeiro.

Pode ler mais sobre as 15 medidas de apoio ao empreendedorismo AQUI.

 

 

quarta, 08 junho 2016 11:06

 jardim da liberdade 02

 

"O concelho de Santarém é o melhor de toda a região para Viver, Visitar e Fazer Negócios. A conclusão é do “City Brand Ranking”, uma espécie top dos melhores municípios do país, feito pela consultora “Bloom Consulting”.

No Top 100 dos 308 municípios do país, além de Santarém, surgem apenas Ourém, Tomar e Abrantes.
Em termos de ranking regional, onde os municípios do distrito de Santarém (e Azambuja do distrito de Lisboa) se dividem por duas grandes regiões – Alentejo e Centro – Santarém volta a ser o melhor município em todos os parâmetros.
A classificação da “Bloom Consulting” utiliza uma metodologia que considera 5 objetivos ou dimensões essenciais: Atração de Investimento; Atração de Turistas; Atração de Talento; Aumento da proeminência e Aumento das Exportações."

»» Leia +

Consulte: “Portugal City Brand Ranking 2016” - Municípios Portugueses

terça, 07 junho 2016 16:27

P1 P2

Portal do Investidor da Câmara de Santarém mais moderno e dinâmico

O Município de Santarém apresentou na tarde de sábado, 4 de Junho, na Feira Nacional de Agricultura, o seu novo Portal do Investidor, uma ferramenta ‘online’ (http://portalinvestidor.cm-santarem.pt/) destinada a facilitar a vida a empresas que se queiram instalar no concelho, criada pelo Gabinete de Apoio ao Investidor da autarquia, uma estrutura que o presidente do município, Ricardo Gonçalves, diz que tem vindo a fazer "um trabalho excecional" no apoio ao empreendedorismo e no acompanhamento a potenciais investidores no concelho.

 

"As potencialidades e as oportunidades em Santarém são muitas, e os apoios ao investimento devem estar acessíveis a todos", refere o presidente da autarquia, Ricardo Gonçalves, acrescentando que "este portal apresenta-se como um meio útil para a captação de investimento, pois, valoriza a relação de proximidade com as pessoas, concedendo-lhes ferramentas que lhes permitem ter acesso a informações de interesse para os agentes económicos, versando os aspetos mais relevantes para a vida empresarial e com maior impacto na promoção do investimento".

O Gabinete de Apoio ao Investidor "tem garantido um acompanhamento muito personalizado e era importante ter uma ferramenta informática mais dinâmica e mais moderna, para nos colocar ainda mais ao lado dos empresários", declarou Ricardo Gonçalves, referindo que esse projeto é uma mais-valia num quadro de grande competição entre territórios no que toca à captação de investimento.

O Gabinete de Apoio ao Investidor da Câmara de Santarém tem também já implementado o programa Via Expresso Investidor que garante redução de taxas até 30% a quem pretenda investir no concelho, destinado a pessoas coletivas ou singulares que pretendam criar a sua própria empresa ou expandi-la em qualquer setor de atividade. Já o “Via Expresso Jovem”, um projeto semelhante mas destinado a investidores com idade entre os 18 e 35 anos, proporciona redução nas taxas até 50%.

segunda, 06 junho 2016 15:07

 

vilabosque logo

A Empresa VILLABOSQUE - Produtos Agrícolas, Lda., foi fundada em 2015 em plena região do Ribatejo, possuindo uma área actual de 8 hectares, tem como objectivo a produção e comercialização de Espargos Verdes.

A primeira colheita será no ano de 2017, com uma produção prevista de 15 a 20 Toneladas, no ano seguinte de 2018 a produção prevista será de 35 a 45 Toneladas, nos anos seguintes a produção anual prevista será de 60 a 75 Toneladas.

A VILLABOSQUE vai ainda construir instalações iniciais com 300 Metros quadrados, para a separação, preparação e embalagem dos Espargos e Câmara Frigorifica para a sua armazenagem em condições ideais.

Contactos

  •  gai@cm-santarem.pt
  •  +351 243 304 601